contato@datasafe.com.br
(11) 3723-3299

Menu

Polícia faz cerco para evitar assalto em empresa de valor de Campinas

Sede da Prosegur foi cercada por 50 policiais civis nesta madrugada. Investigações sinalizaram que quadrilha atacaria empresa pela 2ª vez.

Fonte: Do G1 Campinas e Região
26/07/2016 07h35 - Atualizado em 26/07/2016 07h35


                        http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/2016/07/policia-faz-cerco-para-evitar-assalto-em-empresa-de-valor-de-campinas.html

Cinquenta policiais Civis de Campinas (SP), Vinhedo (SP) e Valinhos (SP) passaram a madrugada desta terça-feira (26) fazendo a segurança da empresa de transporte de valores Prosegur. O cerco foi montado  na noite de segunda-feira (25) e terminou por volta das 5h15 após uma denúncia e investigações que sinalizavam que uma quadrilha planejava um assalto.

De acordo com a polícia, escutas telefônicas autorizadas pela Justiça apontam que o bando  invadiria o local nesta madrugada.

"Nós achamos por bem antecipar condutas e evitar danos, ou seja, a investigação policial nos levou a crer que possivelmente ocorreria uma nova tentativa de roubo a uma empresa de segurança na região", disse o delegado Sandro Jonasson.

Os policiais estavam com fuzis e o perímetro de segurança montado na operação atingiu três ruas no entorno da empresa, que foi atacada por uma quadrilha em novembro de 2015.


Os carros-fortes foram estacionados nas ruas atravessados para evitar que outros veículos passassem em direção a Prosegur.

Policiais civis fazem plantão na porta da Prosegur em Campinas (Foto: Reprodução EPTV)
Policiais civis fazem plantão na porta da Prosegur em Campinas (Foto: Reprodução EPTV)

A Guarda Municipal deu apoio vigiando as entradas da cidade pelas rodovias. A Polícia Militar fez rondas nos bairros onde estão instaladas outras empresas de transporte de valores na cidade.

Assaltos
Três cidades do estado de São Paulo registraram mega-assaltos a empresas de valores entre 2015 e 2016.

No dia 14 de março deste ano uma quadrilha invadiu a sede da Protege e R$ 50 milhões foram roubados. Sete pessoas foram presas.

No dia 4 de abril a sede da Prosegur em Santos (SP) foi invadida por 20 criminosos que roubaram R$ 12 milhões. Três pessoas morreram na ação. Dois policiais militares e um morador de rua.

No dia 5 de julho a Prosegur de Ribeirão Preto foi o alvo de 20 homens armados que levaram R$ 60 milhões. Ninguém foi preso. Duas pessoas morreram, um PM e um morador de rua.

No dia 11 de novembro de 2015 um mega-assalto ocorreu na Prosegur em Campinas. O assalto foi executado por ao menos 20 homens armados.

Câmera registra Integrantes da quadrilha que atacou a Protege atirando com fuzis em Campinas (Foto: Reprodução / EPTV)
Câmera registra Integrantes da quadrilha que atacou a Protege atirando com fuzis  (Foto: Reprodução / EPTV)

Publicado em: 02/08/2016 17:01:36

Mapa do Site

Endereço
R. Dr. Clóvis de Oliveira, 258
Morumbi
São Paulo - SP
05616-130

© 2016 | Datasafe - Todos direitos reservados